domingo, setembro 13, 2009

tartes de espinafre, queijo azul e nozes pecan



- Mamã, mas estás a fazer bolinhos???
- Estou filha, vês aqui na foto do livro, a mãe está a fazer isto.
(Silêncio)
- Mas ó mamã... como é que vais fazer bolinhos com as folhas dos guardanapos???? (uma Madalena incrédula, vendo-me preparar as folhas de massa filo!)

Estava muito entusiasmada por fazer esta receita e o processo de preparação foi divertido e muito interessante, já que trabalhar a massa filo revelou-se menos complicado do que esperava e ela faz um efeito fabuloso. Servi-os num almoço de família e as opiniões dividiram-se: o meu irmão assim que trincou pôs de lado sem cerimónias, a minha mãe comeu dois, o meu primo disse que era assim-assim, a prima gostou (ela é a mais adepta de tudo o que é diferente em matéria de comida), o meu pai também não gostou... Quanto a mim, adorei o sabor da massa filo, mas achei o recheio horrivel, muito em parte devido ao queijo-azul. Deu um gosto "ensaboado" aos restantes ingredienes, e ficou muito mau! Aceito sugestões para um recheio mais em concordância com a delicadeza da massa filo, pois o efeito final destas tartes vale a pena :)

Ingredientes:

- 8 a 10 folhas de massa filo
- manteiga derretida para pincelar as folhas
- 400 gr. de folhas de espinafre baby
- 4 clh. sopa de nozes pecan
- 175 gr. de queijo azul, esmigalhado
- 50 gr. amoras (não usei)
- 2 ovos + 3 gemas
- 4 chl. sopa de queijo creme
- noz moscada

Cortar as folhas em quadradinhos com cerca de 10 a 12 cm (eu cortei com 15 cm, mas aconselho mais pequenas). Dispôr essas tiras de massa filo num tabuleiro de muffins ou em formas individuais, devidamente pinceladas com a manteiga derretida, da forma semelhante à se pode ver na foto. Um aviso, antes que me esqueça: como as suas bordinhas ficaram muito sobrepostas no tabuleiro, de umas tartes para as outras, para retirá-las foi um sarilho. A maneira de contornar isto: usar as forminhas individuais, ou pincelar o tabuleiro todo e não só as cavidades. Também ajuda colocar as tiras de massa filo mais pequenas, de maneira a que não se toquem.


Misturar as folhas de espinafre, as nozes pecan e as amoras. Temperar com sal e pimenta e rechear as tartes. Bater as gemas e os ovos, a queijo creme, a noz moscada, o sal e a pimenta. Deitar esta mistura liquida por cima do recheio e levar a cozer no forno pré-aquecido a 180ºC, cerca de 25 minutos, até que recheio esteja firme. Tomar cuidado com a massa filo, pois queima com facilidade nas pontas se a temperatura fo demasiado alta.


Fonte: "Avoca Café Cookbook", Hugo Arnold, 2000

28 comentários:

Sushibaby disse...

O efeito visual esta fantástico .
Beijinhos

Isa Bettencourt disse...

Ola ;)

Nunca usei essa massa mas parece muito boa ;)
Tou a imagina-la com atum e bechamel ou entao com frango, legumes e natas ;)

bjins :)

Patanisca disse...

Trabalhar a massa filo é mesmo muito fácil, o segredo é não deixar secar e não mexer demasiado. O efeito visual é sempre muito bom, qualquer receita fica com um aspecto chique :)) Vou experimentar as tuas tartes.

Moira disse...

Cristina,
De aspecto estão bons, mas concordo contigo o queijo azul dá um sabor estranho. Eu também não gosto.
Eu faço um recheio em que salteio um dente de alho num fio de azeite, adiciono os espinafres cozidos, escorridos e picados grosseiramente, requeijão esfarelado e nozes. No entanto costumo fechar os "pastelinhos".
Fica bastante mais suave e saboroso.
Bjs
Moira

gasparzinha disse...

O efeito final é mesmo bem atractivo!
Eu sugiro requeijão (tenho a receita de ricota caseira no meu blog).

Beijinhos.

Nana disse...

Que linda a pequena hehehe folhas de guardanapos!
Ficou lindo essa receita.
Bjss e boa semana.

Tânia Saj disse...

Estas tortinhas ficaram mesmo refinadas!!
Ótima sugestão para um petisco ou entrada mais fina!!
Bjs

Canela disse...

Olá Cristina
Fico contente de saber que a 1ª experiencia correu bem.é uma questão de manter a humidade das folhas,costumo colocar um pano de cozinha molhado em cima das folhas enquanto não os uso.
Tenho uma receita aprovada por muitos com feta que a meu ver resulta muito bem,são os pacotinhos de espinafre e feta.
Um beijo e bom domingo!

Isa Bettencourt disse...

Ah... esqueci-me de dizer! O teu blog tá muito giro ;) Gosto muito do novo visual ;)

bjins :D

Carol disse...

Que delícia menina, adoro massa phillo. Beijão

ameixa seca disse...

Tem muito bom aspecto. Nunca provei queijo azul assim mas a solução talvez seja mudar de queijo. Como não sou especialista não sei para qual. Mas eu até era bem capaz de gostar com o queijo azul :)

Sabores de Aromas disse...

Olá,
Ficou excelente,e bem como deve ser delicioso!Cá por casa os meus filhotes adoram tudo que leve massa filo.Tb já fiz uns com queijo feta e legumes.


bjs

Tangerina disse...

Adorei o comentário da tua filha :))
Deves ter usado um queijo muito forte...exprimenta Gorgonzola ou Dolce Latte (é uma mistura de gorgonzola com mascarpone) sempre são mais suaves ;)

Acho que ainda não te disse que adorei o novo visual :))

Beijinhos,
Carlota

♥ mesa para 4 disse...

Eu se fosse a ti repetia a mesma receita mas usava um queijo mais suave e mais do agrado de todos ;) ficaram lindas contudo...tartes de guardanapos :D

R.correia disse...

que delicia...

Marina disse...

Estou a imaginar mini-baboties em cada cestinho de massa filó.
Veio-me à ideia a Babotie (postei no blog)porque é algo que eu adoro e que acho que ficava bem nessa massa. Qualquer dia até eu experimento!
Já agora, Cristina, Onde encontras a massa filó? Fui à procura no Jumbo aqui há uns tempos e não encontrei...
Beijinhos.

Marina disse...

O que eu perdi!! A perca na MPF!!!!
Programada para estár cozinhada quando chegáste!!! Boa!!!

sonia disse...

Pois...a nível de sabor não faço ideia até porque nunca provei desse queijo. agora o aspecto é muito convidativo. beijinhos

Manuela L. disse...

Fantastico!!! adorei a sugestão, fica com uma apresentação linda!
bjs

Nela disse...

Olá Cristina querida, que engraçada a tua menina, mas tem razão quem não sabe até parece...mas olha k tem um aspecto muito bonito, e de certo te deu um grande trabalho, pq não é toda a gente k se atreve a trabalhar com massa filó. Para a próxima experimenta requeijão, dá um gosto muito bom, talvez gostes mais até. Bjs e boa semana.

Sónia Alexandra disse...

Amiga desculpa a ausência...mas já aqui estou...e com muitas saudades. Adorei esta receitinha, original Beijinhosssss

Vina disse...

Pois é... Foi uma pena que o sabor não se adequasse ao aspecto porque o aspecto está magnífico! Talvez com outro recheio a coisa resulte melhor! Beijocas!

disse...

lol... a garotada é um espetaculo.
nunca provei queijo azul...

Paula disse...

O Ovo Estrelado está lindo, e esssas tartes também. Se não gostou do sabor do queijo, é substituí-lo. Requeijão, talvez?

Ricardo disse...

belo delicioso e crocante e um visual de morrer por mais adorei que inspirador...jinhos doces xxx

Hotel York House Lisboa disse...

Receitas muito boas, os nossos parabéns:)

Talvez queira participar neste passatempo de receitas, onde pode cozinhar com o chefe e ver a sua receita na carta do Restaurante York House Em Lisboa http://www.yorkhouselisboa.com/concurso-de-receitas.html

Ana Powell disse...

Excelente, adorei a receita e a apresentação x

Paula Pacheco disse...

Cristina, que criatividade...e o recheio nem se fala, divino e maravilhoso,
bjs
Paula