terça-feira, abril 29, 2008

Bimbar ou não, eis a questão

Confesso: disse cobras e lagartos desta maquineta. Que uma coisa, com um nome destes ainda por cima, nunca iria chegar aos pés da minha comida, que a estrela da minha cozinha sou eu e disparates afins. No entanto, intrigada sobre a estranha devoção que os donos desta máquina parecem ter por ela, lá marquei uma demonstração "só para ver afinal o que é que a fulana faz". Bastaram dez minutos para me convencer. A fulana não faz tudo, mas quase. Ao meu marido convenceu com as caipirinhas.

A Bimby não tem nada de bimba. Tem um óptimo feitio, porque é rápida, incansável e liberta-nos de milhentos morosos e aborrecidos preparos culinários. Faz alguns pratos que roçam a perfeição: a massa de pizza é surreal, sopas - veludo, gelados que batem os de compra aos pontos, coze a vapor, faz pratos de peixe, carne, manteiga, iogurtes, leite-creme, sumos e néctares, pulveriza grãos de qualquer espécie, amassa, mói, cozinha e tritura e é económica na sujidade que faz (acabaram-se fogões sujos e carradas intermináveis de panelas para lavar). Faz massa de tarte em 15 segundos. Faz gelados em 2 minutos, prontos a comer. Consegue fazer uma refeição completa em 30 minutos (por exemplo: sopa no copo interior enquanto que as batatas, os legumes e o peixe a cozer na bandeja do vapor; no fim ainda tritura a sopa) enquanto eu vou fazer outra coisa qualquer mais útil. Ela tem mais uma vantagem, não precisa de estarmos constantemente a controlar, a mexer, podemos ir descansados à nossa vida, porque tudo está em termos de tempo pré-programado. A lista é interminável: açordas, bacalhau disto e daquilo, lulas, granizados, massas, lasanhas, pão, quiches, todas as sobremesas que se possam imaginar, papinhas para bebés. E o pior é que fica tudo bom. E olhem que eu sou esquisita com a comida!

Ainda por cima, serve para vários tipos de cozinheiros: quem não gosta ou não sabe cozinhar começa a fazê-lo porque tudo se torna subitamente mais fácil. Quem gosta, como eu, começa a ousar e a alargar horizontes porque a Bimby permite uma coisa importante: poupar tempo. Fiz coisas com ela que nunca me tinha atrevido (wow, isto soou estranho), mas isso fica para os próximos posts :)

Adoro esta máquina.
PS - Às super mamãs trabalhadoras cansadas e sobrecarregadas, apostem nela, amigas!
PS 2 - Isto hoje vai aos arranques... Para quem tenha dúvidas, dê um saltinho a este fórum... http://forumbimby.com/

14 comentários:

Menino Bonito disse...

Parece uma ideia parva, mas é a ideia que tenho da Bimby; cozinha pequenas "porções" de comida, certo? :-/

Mónica disse...

Já sabes... eu também estou rendida!

Beijinhos e bom feriado!

Manuela disse...

Blog com novo visual?

Já ouvi falar maravilhas dessa maquineta, mas o preço não é para todos os bolsos, apesar de dizerem que compensa.

Por enquanto vou continuar a cozinhar à moda antiga hihi

Mas vou ficar de olho nas tuas receitas com a Bimby :)

Cris disse...

Escusado será dizer que para uma vegetariana como eu, a Bimby é uma grande ajuda, pois se gosto de usar ingredientes com qualidade, também é importante para mim ter controlo sobre a temperatura a que eles são aquecidos, senão acabam por não ser assim tão saudáveis...

Menino Bonito, a bimby cozinha como um tacho, um fogão, uma picadora, uma batedeira, uma panificadora doméstica e uma colher de pau todos juntos, ou seja, aquece, mexe, pica, tritura, liquidifica, coze, estufa, amassa, e até amassa e coze o pão a vapor diariamente. Se são porções ou refeições, isso já depende da quatidade de ingredientes que colocas lá.

Carocas disse...

Ainda não tinha comentado no teu blog.... mas venho cá muitas vezes como já o tinha dito no forumbimby.......
Continuarei a cá passar pois gosto muito de o espreitar e agora com bimby...... mas não te esqueças vai mostrando as tuas delicias por lá.....

Bjs carocas

mesa para 4 disse...

O nome é feio como tudo mas a máquina não, é boa demais... já a tenho há 5 anos, é boa mesmo , claro que continuo a fazer coisas da maneira tradicional mas há outras que nunca mais voltamos a fazer como o béchamel por ex. entre outras e muitas

Manuela disse...

Obrigada pelos simpáticos comentários :-)

Com que então costela terceirense?

MarieLéne disse...

Já estive numa demosntração da maquineta...achei-a bastante cara, e pouco funcional

lll_Artemis_lll disse...

Acoteceu-me exactamete o mesmo....de Bimbyresistente a Bimbydependente....
Tenho a minha Bimby há menos de um mês e estou completamente rendida....
Bjokas
Ana

Laranja com Canela disse...

Tenho ouvido maravilhas sobre essa máquina.

Luisa Alexandra disse...

Cristina, estou a explorar o seu blog e a gostar imenso de tudo o que vejo!
Reparei que também já se rendeu aos "encantos" da BIMBY!
Se me permite deixo-lhe um endereço que penso que será do seu agrado:
http://bimby4all.livreforum.com

E obrigado pela visita que me fez!

Maggie disse...

É a primeira vez que comento no seu blog. Tem receitas soborosíssimas...
Nas minhas pesquisas vejo muitas receitas com a bimby... Já percebi que a máquina é mesmo boa, mas é assim tão cara?
Gostava de ter uma ideia do preço.
Bom dia e boas receitas.

Maggie

Isabel Pisoeiro disse...

Viva a Bimby!! É uma maravilha de máquina!! :D
Está muito interessante o seu blog!! ;)

Pollykc disse...

a bimby também demorou algum tempo até me convencer... Não tenho a máquina nem nunca a vi funcionar, mas já li muita coisa em blogs e afins... Confesso que eu neste momento não gastaria tanto dinheiro nessa máquina... mas aceitava se ganhasse num passatempo qualquer! =)